terça-feira, 6 de dezembro de 2011

SÃO OS DESAFIOS QUE NOS LEVAM A APRENDER

Faz muito tempo que pensei este blog para pensar, desafiar e compartilhar possibilidades de outros modos de repensar a ciência e as multiplas aprendizagens.
Pensei o blog, mas fiquei longe, só na vontade de escrever. Mas estou fazendo um pacto pessoal (fim de ano é sempre época de pactos pessoais) de começar a compartilhar tudo o que me faz pensar nesta perspectiva lúdica da ciência e do fazer pedagógico. Lúdico no melhor sentido do que posso pensar nessa palavra. Aquilo que me dá prazer!! Não tem jeito, eu adoro essa miscelânea de tudo que faço e adoro ser "profe"!!
Hoje eu me orgulhei tanto dos meus “alunitchos” da disciplina de Fisioterapia Neuropediátrica ... Mesmo!!
Faz um tempo que propus a eles, pesquisarem artigos sobre diferentes temáticas pertinentes à disciplina. Dividi a turma em duplas e trios e eles deveriam, além de pesquisar artigos, compartilhar com os colegas (via EAD), o artigo e uma resenha sobre o artigo escolhido.
Quando fui ler as resenhas ... Não eram resenhas, não eram nem resumos. Eram quase maiores do que os artigos. Mas é isso mesmo, quando a gente vai escrever sobre algo que não domina, vai escrevendo ... E escreve muito que é pra tentar entender.
No início fiquei preocupada, pois havia pensado em realizar na aula de hoje um seminário, a partir das temáticas dos artigos. Mas que sentido teria isso? Que aprendizado eu estaria oportunizando? Parei tudo!!
Propus ao grupo refazer as resenhas, juntos, em sala de aula. Busquei material, instrumentalizei (o que é uma resenha, como escrever, o que deve constar) de diferentes formas, não apenas orientando verbalmente como antes. Fiquei junto, orientei, ajudei a reconstruir parágrafos, a pensar as terapêuticas, a encontrar as referências, a construir as referências. A turma fez tudo do jeito antigo, escrito a mão - a mãos na verdade. E embora utilizassem a internet para pesquisar, teceram juntos. Iam identificando suas dificuldades, pensando no que irão discutir na próxima semana.
E eu ali, curtindo toda a ludicidade daquele momento. Que lindo vê-los trabalhando, construindo, trocando, sorrindo, se desafiando, aprendendo. Um dia, quando estiverem com seus pacientes, com certeza se lembrarão deste momento.
Lindo!! Parabéns turma!! Parabéns por encararem os desafios e se jogarem nessa experiência maravilhosa que é aprender!!